Cópia de Branco Azul Verde e Amarelo Montagem de Fotos Moderno Recursos para Novos Contrat

Pensamentos!

Na face dos africanos, tão cheias de estradas, a tristeza é guardiã da memória!

Nascido em Caluquembe, na província da Huíla (Angola), residente em São Paulo (Brasil) a cerca de 6 anos, é professor, escritor e palestrante internacional, produtor cultural, empreendedor, contador de histórias africanas, primeiro africano a ser aceite como membro da União Brasileira de Escritores-UBE, Academia de Letras e Artes de Fortaleza-ALAF e da Associação Internacional de Escritores e Artistas-LITERARTE. Das várias homenagens e reconhecimento pelo seu trabalho no Brasil, destacamos o troféu Baobá 2021 da 5ª edição da Secretária de Cultura de São Paulo, um prêmio concedido a contadores de histórias, escritores, movimentos e fundações, que com suas práticas, desempenhos e ações fortalecem, ampliam e difundem a arte narrativa no Brasil, valorizando a tradição oral, despertando o interesse pelo livro e o gosto pela leitura.

Desde sedo o João Canda começou a criar hábitos de leitura e escrita, um comportamento motivado pelo seu pai que é Pastor e Missionário, que desde sempre foi um grande exemplo na leitura e escrita.

 

Na escola, o pequeno Brechet se destaca nos concursos de leitura, escrita e partidas de futebol, chegando a sonhar ser um jogador. Mas os seus pais nunca haviam escolhido uma orientação profissional para o futuro do filho.

 

Com a dificuldade que Angola vivia na altura para a formação acadêmica, o acesso a formação de ensino médio se tornava difícil. Porém, o pai tomou a decisão que sempre considerou a mais difícil, que foi mandar o João Canda para a província de Malanje, onde o acesso a formação era mais facilitado não obstante dos conflitos armados que havia na região.

Foi então no meio dessa dificuldades, num país que acabará de sair do conflito armado, que teve que começar os seus estudos e a marcar passos de uma experiência de vida de dificuldades e superação.

 

No ano de 2002, com vontade de apoiar os meninos de rua e jovens carentes, fundou a organização filantrópica União dos Jovens de Malanje para Solidariedade e Desenvolvimento–UJMSD, na qual foi o primeiro Presidente. Uma organização que chegou a reunir mais de 200 Jovens voluntários para participar em acções sociais, onde dedicava a maior parte do tempo. Esta iniciativa, marcou o inicio da sua trajetória.

 

A organização, ganhou destaque na província e no país, pela natureza das suas ações e parcerias internacionais sob sua iniciativa com organizações, chegando a trabalhar com a UNICEF, OIKOS, Conselho Dinamarquês para Refugiados-CDR, Cruz Vermelha, Search for Common Ground -SFG e  Médicos Sem Fronteiras-MSF Holanda.

 

Essa iniciativa, contribui em grande na sua vida, após várias viagens e formações oferecido por essas organizações.

 

Ainda exercendo as funções de Presidente, dois anos depois foi eleito para assumir as funções de Coordenador Adjunto da Rede Provincial das Organizações de Combate ao HIV-SIDA, um cargo que durou apenas por dois mandatos.

 

No ano em que terminava o seu mandato na Rede, foi convidado a fazer parte da Comissão Nacional Eleitoral-CNE como Formador de Agentes & Órgãos Eleitorais, chegando a Coordenar Projetos de Educação Cívica Eleitoral.

 

No ano de 2005, o país foi cicatrizado pelo começo do surto de cólera que dizimava muitas vidas, com maior ênfase nas províncias do norte.

 

Com a sua experiência, João Canda foi convidado a Coordenar a Comissão de Mobilização. A sua participação eficaz no processo de erradicação do surto, chegou a ser elogiado pela 8ªComissão da Assembleia Nacional, na altura chefiado pelo Deputado Manuel Lourenço Rocha da Silva ``Lóló Kitumba´´, levou-o no ano de 2006 a ser convidado a trabalhar no Gabinete do Vice-Governador para os Assuntos Técnicos do Governo Provincial de Malanje.

 

Em 2008, João Canda pede demissão e emigra para dar inicio a sua formação Universitária no curso de Psicopedagogia na Província do Uíge.

 

Até ao momento, João Canda não deixou de crescer em termos profissionais, chegando a ser contratado para ser Oficial de Projetos sobre os DESC-Direitos Económicos, Sociais e Culturais, num Projeto da OADEC e a Organização Norte Americana Open Society, onde fez várias capacitações nas instituições públicas e privadas em várias regiões.

 

Após o término do contrato, foi contratado para ser o Coordenador Nacional de Programas e Projetos da Organização Internacional Yang ́s Man Christian Association/YMCA-ACM, com sede na Suiça.

 

João Canda, chegou a trabalhar por um ano, como Supervisor Geral da empresa petrolífera OPERATEC.Lda. A sua saída nessa empresa, fez perceber qual era a sua real missão.

 

Foi com essa consciência que reuniu todos os seus apontamentos e experiências, e decidiu escrever uma nova página da sua vida, começando por publicar seu primeiro livro intitulado: Ética do Jovem e a Preparação para Vida.

Como escritor e palestrante internacional, é convidado por instituições públicas e privadas, dentro e fora do Brasil, destacando as últimas instituições em que palestra: ANEP - Administração Nacional de Educação Pública (ANEP) – Uruguay, Universidade Mackenzi, Unicamp, Museu da Imigração e Observatório das Migrações em São Paulo, Universidade Federal de Santa Catarina, Universidade Federal do Recôncavo da Bahia – UFRB, Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e Indígenas – NEABI da Unversidade Federal de Ouro Preto – UFOP.

É AUTOR DOS LIVROS:

- Ética do Jovem e a Preparação para a Vida

- Contexto ou Pretexto

- Nostalgia do Meu Querer ``Pedaços de Versos´´

- A Controvérsia do Namoro

- Filosofia de Vida

- A Carta de Reynhane Jabarry

- Salve o Reino da Damba

É Co-Fundador do Projeto Raízes, chegando a fundar a TM Editora em 2010 em Angola, que em 2016 passou a ser chamado de LITERÁFRICA, instituição que coordenada até hoje.

A LITERÁFRICA vem contribuindo no processo de educação, valorização da cultura africana e afrobrasileira, disponibilizando ferramentas para a luta contra o racismo, preconceito e xenofobia contra os imigrantes africanos e o continente berço por meio de palestras e cursos para professores e alunos, bem como na distribuição de livros de autores africanos, com projetos que de capacitação de professores que despertam o interesse de países como Uruguai, Argentina, Chile, EUA, Londres, Alemanha, Portugal, França, etc.

Por meio da LITERÁFRICA, descrevemos algumas iniciativas de impacto coordenadas pelo João Canda:

  • Encontros anuais internacionais com escritores africanos, que é o maior e mais expressivo evento de literatura africana do Brasil;

  • Primeiro Clube de Literatura Africana do Brasil.

  • É o projeto que mais promove eventos sobre a cultural africana em escolas públicas, contribuindo na educação para a igualdade racial, uma formação humana que promova valores não racistas.

  • Capacitações e palestras com escritores, professores e artistas africanos.

  • Intercâmbio cultural com países africanos.

  • Edição e Publicação livros, notícias e artigos de autores, professores e artistas africanos no nosso blog.

  • Revista Ancestralidade - A primeira revista 100% africana do Brasil (A ser lançado brevemente).

  • Literáfrica Digital - Possibilitando conexão artística e iniciativa empreendedora africana com o mundo.

  • O Curso de Contação de Histórias Africanas "CHA" para professores, escritores, contadores de histórias, assistentes sociais, estudantes, pesquisadores, psicólogos e interessados no geral na arte de escrever e contar histórias africanas é uma experiência única e impactante, que vai ampliar o seu estudo e entendimento sobre questões históricas, culturais, tradicionais do continente berço, contribuir na elevação da autoestima, valorização da cultura africana e afrobrasileira. A CHA é um instrumento poderoso de luta contra o racismo, preconceito, xenofobia, oportunizando efetivas transformações sociais na escola, na família ou em outros ambientes. O CHA, já formou mais de 500 professores.

ACOMPANHE O TRABALHO DE JOÃO CANDA:

Instagram @joaocandaoficial

Facebook @joaocandaoficial

Linkedin @joaocanda

Contato para Palestras, Formações, Lançamentos pelo e-mail. Baixe a apresentação sobre João Canda: joaocanda@literafrica.com

2_edited.jpg