© 2020 Criado pelo Literáfrica. Termos de Uso | Política de Privacidade

A obra nasce de pesquisas e estudos do trabalho de diversos autores, médicos e naturopatas e, baseia-se simplesmente na experiência pessoal, de longos anos de trabalho, com o povo africano na medicina natural.

 

Sabemos que existem culturas diferentes, cada nação tem a sua, sem falarmos de climas e estações. O que mostra que uma planta pode ser comum em um país e ser desconhecida noutro, já que a maioria parte de literatura que retrata da flora medicinal cita certas plantas quase desconhecidas pelo nosso povo africano, pensamos então preencher este vazio, mostrando que temos uma flora rica com muitas plantas já estudadas por botânicos (cientistas que estudam as plantas), médicos e naturopatas.

 

Como é o caso de ómbututu, a qual chamaram de borututo e deram o nome de científico (botânico) de cochlospermum agolense, mas continuando com as mesmas funções e utilidades que o nosso povo usa, e outras tantas que embora ainda não estudadas (por cientistas), representam um tesouro de alto valor e uma fonte de futuras pesquisas científicas e, contribuir para melhorar a qualidade de vida do nosso povo, senão do mundo.

 

apresentamos nessa obra a experiência da cultra e as tradicções africanas no uso das plantas tanto para a saúde, como para alimentação e outras experiências que vai marcar a sua vida, bem como adoptar no seu dia-dia.

Caminhos da Naturopatia - Pascoal Muenho (Pesquisa, Angola)

REF: LL.MN.01.20
R$ 85,00Preço

- Pesquisa Africana

-Formato do Livro: 14x21

-Capa :4X0 cores lenda

-Papel da capa: Triplex 250g/m² com orelha de 70mm

-Acabamento. Plastificação Brilho ou Fosco

-Miolo (parte interna do livro): Papel Offset

-Acabamento: Fresado/Colado

Páginas: 280 Páginas.